SP: (11) 2207-8850 (47) 3305-0160
rolamentos.encopel@gtxe.com.br | vendas.encopel@gtxe.com.br

Empresa

Desde 1998, a ENCOPEL, empresa do GRUPO GTXE, oferece soluções para todos os setores ao distribuir peças do mais alto padrão de qualidade para reposição. Com mais de 10.000 itens em estoque, a ENCOPEL, referência como distribuidor autorizado, transmite tranquilidade, confiança e agilidade na entrega. A ENCOPEL conta com três tipos de linhas de atuações, revendendo peças para tratores onde é considerada a maior distribuidora CARRARO do mundo. Além disso, é referencia em distribuição de peça 100% original e também conta com a colaboração das marcas: Corteco, SLP, Spicer e TX. A ENCOPEL ingressou em 2008, no mercado de veículos comerciais, como caminhões e ônibus, oferecendo aos atacadistas peças Spicer e TX, sua linha própria. Com o intuito de manter a produção de seus clientes, a ENCOPEL, conta com o apoio das melhores bandeiras de rolamentos que são a SKF, PEER e TIMKEN. Proporcionando o padrão de excelência no atendimento e na tecnologia por elas oferecidas. Seja qual for a sua marca, na ENCOPEL você encontra! Entre em contato com um dos nossos vendedores por e-mail: vendas.encopel@gtxe.com.br ou rolamentos.encopel@gtxe.com.br

Missão

Tornar-se o mais rentável fornecedor de soluções para todos os segmentos que nos comprometemos a trabalhar.

Visão

Alcançar reconhecimento nacional pela excelência no atendimento.

Valores

    Ética, confiança, comunicação, comprometimento e responsabilidade.

Política de gestão de qualidade

Capacitação continua dos colaboradores.

Relacionamento com cliente e colaboradores deve ser transparente, baseado na responsabilidade e na confiança.

Garantir a distribuição de produtos de qualidade através da seleção dos melhores fornecedores do mercado.

Promover a conscientização do colaborador e terceiros quanto ao sistema de gestão de qualidade da organização.

itens em estoque

Encopel, referência em distribuição autorizada.

Código de Conduta

O grupo GTXE é altamente proativo no sentido de garantir que nossos colaboradores, clientes e parceiros entendam que há apenas uma maneira de fazer negócios – com ética, esta exigência ética é formalizada no Código de Conduta do nosso Grupo, que é endossado pela nossa Diretoria. Deixando claro para os colaboradores, clientes e parceiros que o sucesso de nosso Grupo depende de nossa capacidade de permanecermos alinhados aos nossos padrões éticos.

Principais itens do nosso Código de Conduta: Colaboradores, clientes e parceiros devem estar de acordo com o Código de Conduta do nosso Grupo. São estes os principais itens:

  • Os colaboradores e pessoas que trabalham em nossas instalações devem operar em um ambiente de trabalho seguro e não discriminatório;
  • Os colaboradores devem se comportar de forma profissional e de acordo com a lei, incluindo não dar ou receber, diretamente ou por intermédio de terceiros, benefícios pecuniários ou quaisquer outros que sejam inadequados;
  • Quaisquer presentes e entretenimento devem ser correspondentes a um valor modesto e devem estar alinhados às leis e práticas de negócios locais;
  • Os colaboradores não devem se envolver em ações que possam criar um conflito de interesses com suas funções no Grupo;
  • Estamos comprometidos com o meio ambiente e com as comunidades onde atuamos.
  • O devido cuidado deve ser tomado com qualquer informação confidencial;
  • A representação do Grupo é restrita a colaboradores autorizados por lei ou previamente delegados para isso;
  • É obrigatório seguir as leis e regulamentos e manter registros financeiros em conformidade.

Código de Ética no trabalho

Não basta apenas estar em constante aperfeiçoamento para conquistar credibilidade profissional, é preciso assumir uma postura ética. Através dela ganhamos confiança e respeito de superiores, colegas de trabalho e demais colaboradores:

  • Seja honesto, honrado e digno em qualquer situação;
  • Nunca faça algo que você não possa assumir perante sua equipe, seus superiores, seus subordinados ou o público;
  • Seja humilde, tolerante, flexível e disposto a ouvir críticas e sugestões;
  • Críticas e repreensões devem ser feitos primeiro à pessoa a quem se referem, cara a cara. Se houver o dever de levá-los a mais alguém, que não seja pelas costas;
  • A privacidade do colega, do cliente e de todos os demais é inviolável. Independentemente de questões de propriedade corporativa, mexer na mesa, gaveta, informações ou documentos alheios exige autorização (de norma ou da pessoa envolvida) em qualquer circunstância;
  • Em ações e discussões internas, assuma sempre seus valores e princípios e as consequências dos atos a que eles conduzirem, mesmo que isso signifique ficar contra a maioria – mas jamais procure obstruir o direito de expressão e voto no posicionamento alheio;
  • Fique longe de fofocas e comentários maldosos, mesmo que pareçam fazer parte da cultura do grupo. Muitas vezes, o simples fato de dar ouvido a elas pode ser suficiente para identificá-lo com o rótulo de fofoqueiro;
  • A relação hierárquica e de equipe não deve considerar amizades nem antipatias. O subordinado amigo deve ao seu chefe o mesmo tratamento que os demais, e o chefe amigo precisa cuidar para jamais privilegiar o subordinado que lhe é próximo. Da mesma forma, antipatias pessoais não têm espaço no ambiente profissional. Reserve-as para seu íntimo e procure oportunidades para superá-la. No trabalho, trate o colega com o respeito comum, mantenha distância se possível, e não comente com outros a antipatia que sente;
  • Sempre dê crédito a quem merece, sem jamais aceitar elogios ou recompensas pelo mérito alheio
  • Ao errar, reconheça, sem exageros. A atitude esperada é “não foi um erro intencional, vou providenciar para que não ocorra de novo e vou remediar o acontecido”.

Preocupações com o Código de Conduta podem ser comunicadas confidencialmente por meio de um endereço de e-mail dedicado etica@gtxe.com.br a fim de assegurar a independência e confidencialidade, todas as solicitações serão geridas pelo departamento de recursos humanos e jurídico, por meio da função Governancia Corporativa.


Marcas de distribuição